O que é visão turva e como evitar esta condição?

Compartilhe este artigo com seus amigos e familiares

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Conseguir enxergar de maneira clara e nítida é fundamental para a nossa vida, tanto para segurança, quanto para a nossa saúde. Ter uma boa visão contribui para  a realização de tarefas cotidianas e assim desfrutar das melhores coisas do dia a dia.

Porém, existem muitos fatores que podem prejudicar a visão, sendo elas oftalmológicas ou não. Mas, no artigo de hoje, vamos dar ênfase à condição conhecida como visão turva, que acomete muitas pessoas em todo o mundo.

A visão turva está caracterizada pela perda da capacidade de enxergar nitidamente, possui um aspecto embaçado e desfocado das imagens, causando a falha da identificação.

Esta condição é descrita pela dificuldade de enxergar de longe ou de perto, ocorrendo a redução da visão central e periférica. A visão turva pode afetar os dois olhos de forma simultânea, por isso em casos como esse, buscar ajuda com um especialista é indispensável, afinal, quando não ocorre o tratamento, pode causar a perda da visão.

O diagnóstico pode aparecer por diferentes causas de forma repentina, por meio de traumas, oclusões vasculares e processos inflamatórios. Mas, além disso, existem algumas doenças oculares que estão relacionadas a visão turva, como:

  • Miopia ou hipermetropia;
  • Presbiopia;
  • Conjuntivite;
  • Ceratocone;
  • Catarata;
  • Glaucoma.

Essas são algumas doenças que estão relacionadas com esta condição, porém também existem doenças sistêmicas que podem ocasionar a baixa visão como: diabetes, enxaqueca, tumor cerebral e outros.

Os sintomas podem aparecer em todas as idades, inclusive em crianças e idosos. Pessoas que possuem doenças sistêmicas estão entre os grupos populacionais que têm maior risco de apresentar essa manifestação visual.

Sintomas

A visão turva pode apresentar alguns sintomas. Além da visão embaçada, alguns fatores podem acompanhar essa manifestação. São eles:

  • Olhos vermelhos;
  • Dor nos olhos;
  • Dor de cabeça;
  • Sensibilidade a luz;
  • Ardência;
  • Irritação nos olhos;
  • Tontura;
  • Desequilíbrio.

De todo modo, além de analisar as manifestações do corpo, é importante manter o acompanhamento médico para evitar maiores riscos à saúde.

Mesmo que esta condição não demonstre ser tão perigosa, há o risco de possíveis complicações e a possibilidade de perda total da visão. Por esse motivo, quando mais cedo ocorrer um diagnóstico, maiores são as chances de evitar complicações invasivas.

Prevenção 

São diversos tipos de tratamentos para estes casos, podendo incluir óculos de grau, lentes, medicamentos e colírios. 

Nos casos em que a baixa visão não pode ser revertida, a reabilitação visual melhora o quadro, proporcionando o bem-estar de quem sofre.  

É importante que o paciente busque por um médico oftalmologista, para avaliação da saúde ocular, não só em momentos de incômodos, mas para consultas periódicas que podem fazer grande diferença na sua saúde.

Reabilitação visual feita na Pró-visão Macapá!

A Pró-visão é uma clínica oftalmológica especializada, que garante todo cuidado necessário para os pacientes. A Reabilitação Visual está presente em tratamentos como este, incluindo exercícios para os olhos e atividades de processamento visual.

Proporcionando a melhor qualidade de vida para os nossos pacientes, conte com a Pró-Visão para cuidar da saúde dos seus olhos!

Fale conosco! Somos a clínica ideal para sua família em Macapá!