Como o fumo passivo prejudica os olhos das crianças

Compartilhe este artigo com seus amigos e familiares

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

O fumo passivo é uma ameaça conhecida à saúde ocular entre os adultos. Muitos estudos associam a exposição à fumaça a um risco aumentado de doenças oculares que afetam as pessoas mais tarde na vida, como catarata e degeneração macular relacionada à idade (DMRI), uma das principais causas de cegueira.

Mas o fumo passivo representa uma ameaça para a visão das crianças? Um novo estudo de Hong Kong sugere que sim. Os pesquisadores descobriram que crianças a partir dos 6 anos já apresentam sinais de danos aos olhos.

Uma das partes mais vulneráveis ​​do olho à fumaça do cigarro é chamada de coróide. A coróide é uma densa rede de vasos sanguíneos na parte posterior do olho. É responsável por fornecer oxigênio e nutrição à retina e manter a temperatura e o volume do olho. Estudos demonstraram que fumantes e pessoas expostas ao fumo passivo apresentam uma coróide mais fina. O afinamento da coróide está relacionado ao desenvolvimento de DMRI que ameaça a visão, entre outras condições.

Para descobrir se as crianças expostas ao fumo passivo apresentavam danos semelhantes, os pesquisadores da Universidade Chinesa de Hong Kong Eye Center examinaram 1.400 crianças com idade de 6 a 8 anos. Eles mostraram que as crianças perto do fumo tinham coróides significativamente mais finas em comparação com crianças que não foram expostas. A diferença mede cerca de 6 a 8 mícrons.

Tão importante quanto, os dados mostraram que o afinamento da coróide em crianças aumentou com o número de membros da família que fumavam e com a quantidade de cigarros fumados por dia. Embora a implicação de longo prazo dessas mudanças relativamente pequenas na saúde ocular futura das crianças ainda precise ser determinada, este estudo mostra o papel potencial da exposição precoce à fumaça em doenças crônicas que ocorrem mais tarde na vida.

Com o passar dos anos, a taxa de tabagismo diminuiu no Brasil, mas continua sendo um risco para a saúde.

Para diminuir o risco de desenvolver problemas graves de saúde, o recomendado é que as pessoas evitem fumar, principalmente perto das crianças.

Outra medida importantíssima é fazer um acompanhamento oftalmológico, tanto adultos quanto crianças. O recomendado é que essa visita ao profissional seja feita, ao menos, uma vez por ano.

E se, diagnosticado algum tipo de doença, o acompanhamento deve ser feito conforme indicação médica.

A Pró-Visão é a clínica oftalmológica mais completa de Macapá! Com tecnologia e profissionais experientes, levamos o que há de melhor para nossos pacientes!

Seja para uma consulta, exames ou até cirurgias, estamos prontos para cuidar de sua visão e da sua família!

Entre em contato agora mesmo e agende sua consulta!

5/5 - (1 vote)